Entrevista com Marisa Letícia

26 Set

Como a senhora e o Presidente Lula se conheceram?
Marisa Letícia
– Eu trabalhava na fábrica de secadores de cabelo da Arno, em São Bernardo do Campo e um dia o Lu (Lula) passou na frente da fábrica dentro de uma Kombi, distribuindo marmita para os operários. Ai na minha vez de receber a marmita, ele me disse que eu era uma galega linda, uma coisa assim. Faz tanto tempo, bem! A gente começou a fazer greve naquela época, a militar, seqüestrar gente importante. Ai o namoro começou.

A família da senhora não tinha preconceito com o fato do Lula ser analfabeto?
Marisa Letícia
– No início foi difícil. Minha mãe não se conformava, queria que eu trabalhasse de doméstica na casa de algum rico e me envolvesse com o filho do patrão, do jeito que foi com ela. Depois, com as conquistas sindicais que o Lu conseguiu, o meu pai foi obrigado a pagar uma pensão para mim. Ai que ela se tocou que o Lu conseguiu melhorar a vida dela também.

A senhora mudou muito depois que Lula finalmente conseguiu ser presidente, isso é verdade ou é coisa da Veja?

Marisa Letícia – Olha, a única Veja que a gente conhecia era um limpador de gordura (risos). Mas a revista, você ta falando né, ela é muito maldosa as vezes. É um absurdo ela falar que eu não tenho pescoço nem cintura. É um abuso dizer que eu não faço nada além de plásticas e lipoaspiração. Eu regulamentei mais de doze clínicas de estética, fiz uma lista pra revista Caras com os melhores médicos (entre eles o médico esquartejador, Farah Jorge Farah). Nossa, eu podia ficar o dia todo listando minhas obras sociais pra você…

A gente tem bastante tempo…
Marisa Letícia
– Mas eu não, bem. Daqui a pouco tenho uma sessão de drenagem linfática e uma transfusão de sangue.

Então para finalizar, o que a senhora tem a dizer ao povo brasileiro?
Marisa Letícia
– Gente, eu sou uma pessoa que se preocupa muito com o futuro, com onde a gente pode estar no amanhã. Eu viajei pelo mundo, me hospedei em vários hotéis de luxo e mesmo assim eu continuo a mesma pessoa de antes. Humilde, generosa, que se preocupa com o futuro. Eu pesquisei minhas raízes italianas do meu pai, revisei minha vida toda e cheguei a conclusão que eu mereci estar onde eu estou. Eu represento o povo brasileiro, a mulher que luta. Então, vamos esperar que o Lu (Lula) vai resolver o Brasil, igual resolveu a minha vida.

Marisa se despediu da equipe de reportagem e embarcou no seu helicóptero. Daqui, ela vai para a Itália, onde comprou uma cidadania italiana por trezentos mil reais. Depois de passar pela terra de seus supostos antepassados, Marisa vai para Suíça realizar seus tratamentos estéticos agendados.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: